viajar, turismo, paris, bastille day, tour eiffel, eiffel tower, torre eiffel, museu das armas, travel, travel tips,

#2 – Mudança de casa, Bastille Day e muito mais…

Olá a todos,

 Este é o segundo post da série de 5 posts sobre a minha viagem a Paris. Não te esqueças de ver também o primeiro post sobre a minha viagem se ainda não o viste!

Como já contei no post anterior, no primeiro dia da viagem (dia 13) instalámo-nos na primeira casa (onde ficámos apenas uma noite) e passeámos um pouco pelos arredores da cidade. Já no segundo dia (14) acordámos bem cedo e fizemos as malas para nos mudarmos para a casa de uns familiares nossos que moram em Paris. A melhor parte da nova casa é que era bem próxima à Torre Eiffel e embora eu tenha gostado do lugar onde estava alojada, mudar também tem o seu lado bom.

bastille day parade, parade, bastille, france, independence, paris, girl, travel, traveller, tips
Marcha Militar do Bastille Day

  Para os que não sabem, o Bastille Day (ou dia da Tomada da Bastilha em português) que ocorre a 14 de julho é um feriado nacional de grande importância para os franceses visto que é a comemoração da revolução que deu início à república francesa. Logo pela manhã  militares franceses montados a cavalo fazem uma marcha pelas ruas de Paris (e eu presenciei a marcha de pertinho enquanto almoçava num restaurante perto do Louvre, hehe).
Nesse dia muitos museus e outros estabelecimentos têm  entrada livre, portanto aproveitei a oportunidade para visitar o Museu das Armas. Tencionava visitar o Louvre por dentro nesse dia, mas a fila era monstruosamente enormeeeee portanto resolvemos passear pela cidade.
Durante o Bastille Day, perto da Torre Eiffel ocorre uma espécie de festival de música com concertos o dia todo. Os habitantes locais fazem piqueniques por lá. À noite terminam com uma orquestra belíssima e com o hino nacional (o parque em frente à Torre fica muito cheio nessa hora). E é claro, a Torre fica iluminada e colorida e há um espetáculo de fogos de artifício.

travel, concert, bastille day, france, paris, tower eiffel, eiffel tower, viagem
Concerto em frente à Torre Eiffel (Bastille Day)

Já estiveram presentes num Bastille Day? Como foi?

Um beijo e um cheiro,
Vanessa Almeida.

paris, travel, pompidou, notre dame, marais, girl, traveller, france

#1 – Paris em 5 dias

Olá a todos,
Como prometi, começo hoje a série de posts intitulada Paris em 5 dias onde irei contar detalhadamente como foi a minha viagem a Paris (no ano passado). Vão ficar “por dentro” do que vi, os locais que visitei, o que amei e o que espero voltar a ver!

No post de hoje falarei sobre o primeiro dia em Paris… Para começo de conversa devo dizer que assim que entrei no avião que me levaria até este destino de sonho tive aquele friozinho na barriga que temos quando sabemos que estamos muito perto de riscar um tópico na nossa budget list, um misto de aventura, com curiosidade e com uma alegria contagiante!
Estive lá do dia 13 a 17 de Julho e foi um tempo fantástico!
No dia 13 (domingo) viajei logo pela manhã, bem cedo mesmo. E cheguei ainda de manhã na França. Aterrámos no aeroporto de Beauvais. Costumam dizer que é o mais afastado do centro de Paris, mas não achei assim tão distante comparando com o outro aeroporto (o Charles de Gaule).

travel, viagem, paris, landscape, view, france,
Chegando em Porte de Maillot, fomos de metro até à área mais próxima da casa onde íamos ficar hospedados, que era o Marais, uma zona bastante tranquila.
Embora o tempo estivesse muito fechado e chuvoso, estávamos decididos a aventurar-nos por Paris ainda naquele dia, portanto deixámos as malas em casa e caminhámos pela zona mais próxima. Vimos o exterior da Catedral de Notre Dame, tirámos algumas fotos no exterior do Centro Georges Pompidou, cujo interior me arrependo muito de não ter visitado (por falta de tempo e não de vontade…).
Por fim passámos pela Pont des Arts e tirámos algumas fotos no exterior do Museu do Louvre.

centro georges pompidou, georges pompidou, pompidou, art, exibition, travel, viagem,
Exterior do Centro Georges Pompidou

E vocês? Já visitaram algum desses locais? O que acham deles?

Um beijo e um cheiro,
Vanessa Almeida.

disney, disneyland, attractions, tower of terror, twilight zone, gusteau's, ratatouille, space mission, buzz lightyear, mickey, paris

5 atrações favoritas da Disney

Olá a todos,

Como sabem tenho feito alguns posts sobre a viagem que fiz a Paris o ano passado. Já deixei algumas dicas de viagem para a Disney e também algumas dicas para quem quer passear por Paris. Agora venho partilhar convosco quais foram as minhas atrações favoritas! Depois de visitar os dois parques torna-se bem difícil escolher só cinco atrações porque para mim todas as que eu fui foram espetaculares e valeram muito a pena!

1. Tower of Terror.
Esta atração fica no primeiro parque e tem uma fila ENORME! Mas foi uma das minhas favoritas. Quis repetir mas a fila era muito grande e eu só tinha direito a 1 dia na Disney e tinha 2 parques cheios de atrações para visitar, portanto tive que maximizar o meu tempo com apenas 1 ida em cada atração. Para quem viu o filme ‘Tower of Terror’ a sensação ao entrar no Hotel é de que estamos a ‘participar’ do filme também.

2. Space Mountain Mission 
Sinceramente eu tinha expetativas muito baixas em relação a esta atração. Não sei porquê. Mas não achei que seria tão espetacular, mas revelou-se uma das melhores! É uma montanha russa muito rápida (muito rápida mesmo) que nos faz sentir verdadeiramente no espaço.

3. Ratatouille.
Graças às maravilhas dos efeitos 3D, nesta atração nos sentimos realmente na ‘pele’ dos ratinhos do filme Ratatouille.Temos a possibilidade de passear pelos cenários do filme acompanhados de Rémy, o ratinho protagonista da trama, em carrinhos com formato de rato.

4. Buzz Lightyear Laser Blast
Esta atração é mais adequada para crianças mais pequenas, porém eu gostei imensooo e me diverti tanto quanto as crianças.
Durante a atração estás dentro de carrinhos de 2 pessoas e tens de atirar no máximo possível de inimigos que vão aparecendo nos cenários. Quantos mais tu acertares maior será a  tua pontuação no placar e no final da atração saberás quem ganhou. Embarca na viagem contra o imperador Zurg, e como dizia o Buzz Lightyear: “Ao infinito e mais além!”

5. Big Thunder Mountain
Esta atração é uma montanha russa inspirada no velho oeste. O cenário é super interessante e divertido e  apropriado para todas as idades. Nesta atração ficamos dentro de carrinhos mineiros e passeamos a alta velocidade pelo interior e exterior da mina, no qual podemos apreciar a vista do pequeno rio e do restante cenário.

E então? Gostaram das minhas atrações favoritas? Se também já visitaram estas e outras atrações deixem o vosso comentário acerca dos vossos favoritos também!

Um beijo e um cheiro,
Vanessa Almeida.

paris, torre eiffel, tour eiffel, eiffel tower, travel, blog, viagem, girl,

5 Dicas de Viagem para Paris

Olá a todos,

Como sabem, fiz uma viagem a Paris no ano passado e foram dias fantásticos! Mais tarde farei posts detalhados sobre os dias em que lá estive! Por agora deixo algumas dicas de viagem. Há várias coisas que aprendi com a viagem e muita coisa que queria ter aprendido antes de ter viajado. Ontem fiz um post deixando algumas dicas úteis para quem quer visitar a Disney (para quem não leu é só clicar aqui) e agora deixo-vos algumas dicas para passear por Paris, portanto aqui vai…

1.Ao invés dum hotel escolhe hospedar-te numa casa
É mais barato e o contacto com a cultura é bem maior. Quando eu fui, recomendaram-me um site de alugueres para férias chamado Airbnb, e o site é bastante bom. Os preços são regulados por ti mesmo numa barra que indica que preço estás disposto a pagar em média e aparecem as casas disponíveis com esse preço e onde estão localizadas num mapa da cidade. No site todo o procedimento de pagamento é seguro e podes manter contacto com o anfitrião da casa através de mensagens no próprio site.

2.Vai de metro para TODO o lado!
Andar a pé por Paris cansa! Acredita: CANSA!
Táxi não vale a pena porque é muito caro como em qualquer outro lado. E o autocarro usei apenas para me deslocar até aos aeroportos e vice-versa.
Primeiramente, pede um mapa na zona das informações do metro. Eu consegui arranjar um mapa muito bom que tem não só as linhas do metro, como os monumentos e o nome das ruas.
O metro é uma das melhores opções na hora de conhecer os locais por ser barato e ter sempre ligação com os monumentos, além de ser rápido.

3.Francês primeiro, depois a tua língua!
Uma das boas dicas que familiares meus (que moram lá à mais tempo) me deram foi a de sempre cumprimentar e despedir em francês, principalmente se vou pedir algo ou pedir informações noutra língua (o inglês no meu caso). É de bom tom para eles dizer “Bonjour” (bom dia) ou “Bonsoir” (boa tarde) antes de falar ou pedir qualquer coisa, e “Merci” (obrigado) no final. Fiz sempre isso e tinha sempre um retorno muito amigável por parte de qualquer pessoa.

4.Come como um morador local!
Se a tua idéia é poupar nas refeições, tenta escolher restaurantes ‘deslocalizados’. Os restaurantes mais caros costumam estar perto de monumentos, museus e outras atrações turísticas. Além disso, uma boa dica (que só descobri depois que retornei a Portugal) foi a de fazer as refeições em locais com o nome “brasserie” e não “restaurant”, porque as brasseries são mais baratas.

5.Visita a cidade de manhã e de noite!
Isso é quase uma regra geral! Não tem como ir a Paris e não ver como Paris é durante a noite. E isso foi uma dica que familiares meus (que moram lá) também me deram: visite Paris de noite, porque é totalmente diferente de Paris durante o dia! E é mesmo! Os monumentos ficam iluminados e os cafés ficam tão cheios quanto de manhã. É simplesmente lindo!
Além de agradável, achei bastante tranquilo…

Um beijo e um cheiro,
Vanessa Almeida.